Pesquise em mais de 1800 postagens!

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Culto com adolescentes


O ministério com adolescentes preocupa-se com a vida do adolescente como um todo. A maioria dos líderes propõe eventos marcantes, altamente energéticos, mirabolantes até, muitas vezes com nomes chamativos incluindo um conjunto de expressões passando por muitos X, Radical, Extreme, etc.

Tudo isto é muito válido. Sem dúvida adolescentes, pelo menos alguns, são atraídos por estes nomes extravagantes e pelos eventos de adrenalina. Contudo, muitos não são atraídos. Ou atraídos apenas por alguns momentos, depois, acabam se afastando.

O que atrai o adolescente? Esta é a dúvida que recebi pelos contatos de uma líder de adolescentes de uma Igreja Presbiteriana em outro estado. Vamos acompanhar:

Prezado , sou responsável pelos adolescentes da igreja onde hj contamos com um numero muito pequeno devido a falta de atividades para os mesmos . Então estou desenvolvendo um projeto de missões urbanas , precisamos evangelizar e fazer missões em nosso próprio bairro . Gostaríamos de uma ajuda em montar nossos eventos , cultos para que possamos chamara atenção de jovens para a igreja . Nesse mês de outubro gostaríamos de fazer algo impactante , mas ainda não consegui ideias , gostaríamos de realizar um culto de missões . Pode nos ajudar :??? Aguardo contato

Nunca trabalhei com adolescentes, pelo menos na igreja não. Trabalho com adolescentes secularmente, pois sou professor de Ciências e Biologia há 25 anos. Tenho uma filha que já passou pela adolescência e um filho que está entrando.

Respondi baseado no trabalho de alguns amigos que ministram a adolescentes, os pastores Moisés e Kátia da Igreja Batista Missionária em Paulínia e o pastor Seity Konno da Igreja Batista do Caminho em Americana (bairro Vila Jones). Acompanhe:

Olá A.

Graça e Paz

Desculpe-me pelo atraso em responder-lhe. Andei ocupado com as coisas do trabalho, etc.

Vamos lá! Sua dúvida é a mesma da maioria das "responsáveis pelos adolescentes" de outras igrejas, inclusive as não presbiterianas!

Sugestões de programações, esquemas sociais, etc, são fáceis de obter e realizar. Mas, na verdade, apesar da importância destas atividades sociais, elas não alcançam o adolescente. 

No mundo, as opções são muito melhores. Não competimos com o mundo! Lá o sexo, drogas e a irresponsabilidade grassam demasiadamente.

Apenas lembrando! O culto não é para atrair e agradar adolescentes. O culto é feito a Deus! É Ele que deve ser atraído e agradado! É a Deus que prestamos nosso culto! O que passar disso, tá tudo errado! Culto é um culto a Deus! Sei que você sabe disso, mas é só para reforçar!

Estas reuniões não atraem os adolescentes! É perda de tempo!

Seu contato com eles deve ocorrer no dia a dia! É no dia a dia que os adolescentes são atraídos! E não apenas em um final de semana por mês ou apenas em todo final de semana.

A melhor opção é você consagrar-se a Deus! Ainda mais! Mergulhe na Bíblia! Jejue! Busque o Pai incessantemente! Ande no Espírito! Peça a Deus um discernimento espiritual apurado às necessidades dos adolescentes à sua volta. Peça a Deus um ouvido atento aos clamores e angústias desses seres humanos tão especiais. Peça a Deus olhos espirituais para ver as necessidades. Peça a Deus que você seja "como aroma suave e agradável" aos adolescentes!

Trate-os com amor! Amor verdadeiro, sem julgamentos pelos pensamentos deles.

Você é casada? Peça a benção a seu marido neste período de consagração. Peça a ele para te abençoar. Mesmo que seja uma frase: "Vai dar tudo certo se Deus quiser!". Se for solteira, peça isso a seu pai. Conte de seu sonho! de que sonha com um grupo de adolescentes abençoados fazendo a diferença na sua cidade.

A benção do seu pastor você já tem!

Comece a levar adolescentes com você nestes momentos de oração. Poucos adolescentes. Momentos informais. Leve-os juntos de si. Assista filmes, coma muita pipoca com eles. Pão com mortadela! Leve-os a passear nos lugares que eles gostem. No meio do passeio, ore ao Espírito Santo, fale de Jesus a um adolescente fora de seu grupo.

Faça isso sem agenda, sem programação, sem liturgia. Coisas simples! Seja espontânea. Ganhe o coração deles para você! 

Enxergue nos seus adolescentes os conflitos com os pais (mesmo que o pai de um seja presbítero ou pastor, não faça pré conceitos), com a profissão a seguir, em como lidar com o abuso verbal que sofre, como lidar com o abuso sexual que sofreu, com a virgindade perdida, com o assédio das drogas.

Deixe claro para eles que você é tão pecadora quanto uma prostituta ou uma assassina! Você não é melhor que ninguém, não é melhor que eles. Não seja o que você não é: uma super crente! Fale para eles que você depende única e exclusivamente de Jesus!

Com o tempo, você atrairá os corações adolescentes! Adolescente atrai adolescente! Seus momentos com eles serão ampliados! Você parecerá uma galinha andando com os pintinhos atrás!

Dessa forma, seus cultos a Deus serão abençoados e atrairão muito mais gente! Incluindo as famílias desses adolescentes! Os pais se perguntarão: "O que aconteceu com meu filho?"

Comece primeiramente dedicando-se a Deus em um nível totalmente novo! Abandone seu pecado preferido! Consagre-se! Jejue! Ore! Leia e medite na Palavra! Testemunhe de Jesus!

Deus já te deu a estratégia, não é impressionante, é apenas simples: AMOR. Amor a Deus primeiramente e aos adolescentes em seguida!



Mantenha contato! Conte comigo!

Gilson de Moura
Blog Missões e Adoração