Pesquise em mais de 1800 postagens!

sábado, 11 de setembro de 2010

LAUSANNE III: CIDADE DO CABO 2010

CONGRESSO INTERNACIONAL SOBRE EVANGELIZAÇÃO MUNDIAL

O Comitê de Lausanne para Evangelização Mundial Renova a Visão de Billy Graham Iniciada com o Congresso de Lausanne em 1974

O Comitê de Lausanne para Evangelização Mundial (LCWE, www.lausanne.org) anunciou hoje (4/5) os planos para o Terceiro Congresso Internacional sobre Evangelização Mundial, a ter lugar de 16 a 25 de outubro de 2010, na Cidade do Cabo, África do Sul. "Lausanne III: Cidade do Cabo 2010" juntará líderes de missões e igrejas do mundo todo para tratar dos desafios e oportunidades que estão diante da Igreja com respeito à evangelização mundial.

O Rev. S. Douglas Birdsall, Presidente Executivo do LCWE, diz que o ano 2010 foi selecionado para celebrar o centenário da histórica Conferência Missionária Mundial realizada em Edimburgo, Escócia, em 1910 sob a liderança do Dr. John R. Mott. A seleção da Cidade do Cabo também tem significação histórica, já que William Carey, considerado o pai das missões modernas, foi o primeiro a propor uma conferência missionária internacional naquele local em 1810. "Nós cremos que o 200º aniversário da visão de William Carey e o centenário de sua realização sejam um tempo apropriado para, uma vez mais, encorajar os líderes internacionais a unirem-se para mapear o curso para o trabalho de evangelização mundial no século XXI", Birdsall disse. O Dr. Michael Cassidy, fundador do “African Enterprise” e membro do Conselho Consultivo de Lausanne III, também crê que Lausanne III "acrescentará um ímpeto enorme e encorajamento à Igreja Africana para que cumpra o seu destino em Missões Mundiais no Século XXI".

“Não resta dúvida de que entramos em uma nova época no cristianismo global", Birdsall adicionou. "Nós precisamos de estratégias que definam como podemos avançar a expansão do evangelho ao redor do mundo. Isto é especialmente importante porque o nosso mundo continua encolhendo, através de novas tecnologias, e porque a população evangélica mudou-se para o Hemisfério Sul", ele enfatizou.

O Sr. Lindsay Brown, Diretor Internacional recentemente designado para o LCWE, aponta para as mudanças dramáticas que aconteceram no Cristianismo no decorrer do último século, mudanças que são refletidas na liderança de Lausanne III. O Arcebispo anglicano Henry Orombi de Uganda servirá como o presidente do Comitê Anfitrião da África. O Conselho Consultivo de Lausanne III é presidido pelo Dr. Samuel Escobar da América Latina. O Bispo Hwa Yung, da Igreja Metodista na Malásia, é o presidente do Comitê de Seleção de Participantes. O Comitê de Programa será presidido pelo Rev. Ramez Atallah, Diretor da Sociedade Bíblica do Egito. O Diretor do Congresso Lausanne III, Rev. Blair T. Carlson, Ex-Diretor de Cruzadas Internacionais da Associação Evangelística Billy Graham, cresceu em Hong Kong e passou a maior parte de sua vida trabalhando e vivendo em locais ao redor do mundo.


A Cidade do Cabo, literalmente, abriu os seus braços ao Congresso Lausanne III. Cristãos da área toda estão oferecendo suas casas para hospedar até mil dos esperados 4.000 líderes de missões e igrejas participantes de 200 países. "Nós fomos totalmente comovidos pelo acolhimento que recebemos da Cidade do Cabo", disse a Sra. Robyn Claydon, Presidente Adjunta do LCWE. "Nós esperamos com grande entusiasmo o que Deus vai realizar por meio deste evento e da Cidade do Cabo".

O primeiro Congresso Internacional sobre Evangelização Mundial (Lausanne I) aconteceu em 1974, em Lausanne, Suíça. A reunião foi convocada sob a liderança do Rev. Billy Graham e atraiu mais de 2.700 líderes evangélicos de 150 países. O foco da reunião era prático e teológico, produzindo o Pacto de Lausanne, um documento que oferece um fundamento teológico para uma evangelização mundial intencional e colaborativa. O Pacto inclui quinze artigos que lidam com assuntos importantes como a autoridade das Escrituras, a natureza do evangelismo, responsabilidade social cristã, a urgência da evangelização mundial, fé e cultura, e a natureza do conflito espiritual. O Pacto ofereceu um plano para a unidade, e serve como declaração de fé para centenas de organizações ao redor do mundo.

Em 1989, 3.600 líderes de 190 nações participaram de Lausanne II em Manila, Filipinas. O resultante Manifesto de Manila reafirmou e expandiu o Pacto de Lausanne e o chamado para "Proclamar a Cristo até que Ele venha".

O trabalho de base para Lausanne III começou com o Forum para Evangelização Mundial em 2004, na Tailândia, que reuniu 1.500 participantes em 31 consultas simultâneas para lidar com os assuntos primários a respeito da evangelização mundial. Dois anos depois, a preparação continuou com um esforço combinado para engajar uma geração nova de liderança cristã, quando 500 líderes jovens cristãos de 120 países uniram-se para o Ajuntamento de Líderes Jovens Lausanne, na Malásia. A reunião semestral da Liderança de Lausanne, em junho, em Budapeste, vai acelerar o planejamento para o Congresso Lausanne III.

"Os assuntos urgentes diante de nós hoje, tais como o engajamento de visões de mundo cada vez mais hostis ao cristianismo, a ameaça do terrorismo, e o HIV e a AIDS, juntamente com novas oportunidades e novas tecnologias, são muito diferentes dos assuntos enfrentados em 1974", Birdsall explicou. "Novos desafios globais requerem respostas bem pensadas e cobertas de oração. Nós oramos para que Lausanne III: Cidade do Cabo 2010 venha a servir para unir e energizar a Igreja com uma nova visão e um compromisso novo para compartilhar do trabalho de evangelização mundial para um novo tempo".

Fonte Lausanne.org



2 comentários:

  1. Todo esse sensacionalismo desde o primeiro Congresso em Lausanne é apenas para que seja feita uma lei para se cumprir leis já existentes!!
    Tudo é absurdo.
    Vamos apenas cumprir a Lei Maior, que é a Bíblia Sagrada, deixada por Jesus Cristo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é bem assim. Nenhuma lei foi promulgada, mas sim, estabelecido pactos de evangelização. Você está olhando para Lausanne com olhos do século XXI, com um olhar pentecostal (provavelmente até mesmo premilenista). Falta-lhe uma visão histórica da igreja cristã no início do século XX. Analisada neste contexto, Lausanne I (1974) foi fundamental para o avanço da evangelização mundial. Ainda hoje, contudo, muito há de se fazer, haja vista a destinação das ofertas missionárias, de cada R$100,00 de ofertas, apenas R$1,00 vai para missionários da janela 10/40. Recomendo o irmão analisar historicamente a questão, sabia que muitos da igreja cristã reformada do início do século XX eram amilenistas?

      Excluir

Irmão ou amigo, faça seu comentário. Alguns comentários podem ser apagados..... Você tem liberdade de escrever o que quiser, porém, sua liberdade está condicionada ao senhorio de Jesus Cristo, às Santas Escrituras e aos objetivos do blog.