Pesquise em mais de 1800 postagens!

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Argélia - DIA 23 - Calendário de Oração

População: 33,333,216
Líder político: Presidente Abdelaziz Bouteflika
Religiões: 96.7% islamismo, 3% sem religião, 0.3% cristãos.
Posição no rank de perseguição: 31º
Número de grupos terroristas: 9
Ações de terrorismo: 258; Casualidades: 1,015
Percentual de corrupção: 69% Percentual da população que vive na miséria: 25%
Fonte: win1040.org

Histórico

ARGÉLIA – Segundo maior país da África, está localizado no litoral norte da África, banhada pelo Mediterrâneo, tendo fronteiras com Tunísia, Líbia, Níger, Mali, Mauritânia, Saara Ocidental e Marrocos. O nome do país deriva do nome árabe para o país, Al-Djaza’ir, que significa “cavalo com a pata dianteira branca”. A região já era habitada e disputada desde o segundo milênio antes de Cristo. Os primitivos habitantes de lá, os berberes, se aliaram aos fenícios e cartagineses para deter as sucessivas invasões que vinham da África do Norte. Nesta troca entre berberes e civilizações ocidentais, os primeiros forneceram soldados e elefantes de guerra e com a Fenícia e Cartago aprenderam a cultivar oliva e videiras para a produção de azeite e vinho.
No Século III a.C., Massinissa fundou um império independente na região, estabelecendo Cirta como capital. Seu neto, Jugurta, resiste por sete anos à invasão romana, até que capitula. Lá, Roma estabelece duas províncias: Numídia e Mauritânia, onde hoje é o país argelino. Os romanos transformam o norte da África na região mais rica do Ocidente.
Com a desagregação do Império, vândalos, sob o comando de Genserico ocupam a região, em 429. Gradativamente eliminam a latinização do local, inclusive destruindo cidades construídas pelos romanos. No Século VI, os bizantinos ocupam aquelas terras e promovem a reconstrução das cidades destruídas.
Na expansão árabe empreendida no Século VII, berberes e bizantinos são derrotados em 709 e acabam aderindo ao islamismo que é vigente até hoje no país. Sucessivas tribos islâmicas ocupam o país ao longo dos séculos.
Em 1515, turcos maometanos ocupam Argel, a capital, e lá ficam por três séculos, dando unidade política ao país. Em 1830, a França invade a Argélia, com a intenção de dominar o seu litoral. Do interior do país veio a resistência, sob o comendo do emir Abd el-Kader. Ele tomou algumas cidades que estavam sob domínio francês, mas foi posteriormente derrotado, em 1853, tendo se exilado em Damasco. A França consolida o domínio na Argélia, onde permanece como colonizadora até 3 de julho de 1962, quando foi conquistada a independência do país. A partir dali, começou uma luta civil interna pelo controle da Argélia, com várias facções empreendendo ações neste sentido. O atual presidente Abdelaziz Bouteflika, empreendeu esforços para acabar com a guerra civil no país.
Fonte: IBGE

Você precisa conhecer os outros países da Janela 10 x 40!

Você precisa aplicar em sua igreja slides sobre a Janela 10 x 40 (powerpoint!)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão ou amigo, faça seu comentário. Alguns comentários podem ser apagados..... Você tem liberdade de escrever o que quiser, porém, sua liberdade está condicionada ao senhorio de Jesus Cristo, às Santas Escrituras e aos objetivos do blog.