Pesquise em mais de 1800 postagens!

sábado, 2 de fevereiro de 2008

A Cruz de Cristo - A cusparada

Estudo para célula que fiz em 2004 para minha igreja.

Introdução:
Esta é uma série de 14 estudos sobre a importância da cruz de Jesus Cristo. Ela foi baseada no livro “Encontro” do Pr. César Castelhanos e do livro “Ele escolheu os cravos” de Max Lucado. O objetivo principal dessa série de estudos é o crescimento espiritual do discípulo, o correto entendimento e compreensão do amor de Deus e do sacrifício de Jesus Cristo. Vamos acompanhar alguns momentos da prisão, julgamento, condenação, crucificação, morte, sepultamento e ressurreição de Jesus.

Texto base: Mt. 26;67, 27:30,

Desenvolvimento do Estudo:
Uma das coisas mais nojentas que podemos sentir é um cuspe no rosto. Cuspir no rosto de alguém significa desprezar essa pessoa. Desprezo, sim, indiferença, não. Não dá para ficar indiferente. Cuspir em alguém é uma ação que resultou de um sentimento interno de desprezo. A sujeira que atinge o rosto da outra pessoa iniciou-se no coração de quem cuspiu. Revela a sujeira do coração!
Talvez você nunca tenha cuspido em alguém, mas, você cuspiu em Jesus na pessoa daqueles soldados romanos.
A maneira como tratamos os outros é a mesma como tratamos Jesus. Podemos fazer o bem, mas, não conseguimos evitar de fazer o mal. O cuspe representa o pecado e a sujeira dos corações.
O texto bíblico mostra o que Jesus fez após ser cuspido? Ele limpou o rosto? Jesus não limpou o rosto, ele levou o cuspe até a cruz. A saliva dos soldados misturou-se com o sangue de Jesus. A saliva foi coberta pelo sangue do Cordeiro, foi limpa.
O interessante é que Jesus sabia que levaria cuspida. Estava profetizado em Is. 50:6. Ele havia predito esta situação em Mc. 10:34. Ele sabia o que iria enfrentar.
Outro ponto interessante é o fato de Jesus Ter usado a saliva para curar as pessoas: um cego em João 9:6 e um surdo em Mc. 7:33.
Jesus suportou o lado obscuro da humanidade. Na verdade, Ele ansiava por isto, para te salvar Ele precisava enfrentar o nosso lado obscuro.
Quando cometemos pecado, não é isto uma nova cusparada que damos em Jesus? Quando não buscamos a santificação, não é isso um ato contínuo de insulto ao Senhor?
Como está a sua vida?
Você têm buscado a santificação? Mas, Jesus fala para você: “Eu vou suportar o seu lado obscuro!”. Ele te ama! Peça perdão e ele te perdoará e te purificará! (1Jo. 1:9).


Líder: Ministre em seus discípulos. Unja-os com óleo. Declare palavras de vitória. Eles têm que se quebrantar!



5 comentários:

  1. Olá,eu fui grandemente abençoada com estes estudos,uma verdadeira benção!(Com certeza Deus falou ao meu coração,e com temor e amor a Deus,irei ministrar e sei que Deus vai me usar.Que DEus continue abençoando vocês e os encha cada dia mais de unção!!o

    ResponderExcluir
  2. Ola, sem muito o que dizer...
    mas apenas me senti na vontade de uma resposta sua pelo o estudo que fez:

    Deus perdoa tudo isso?

    ResponderExcluir
  3. Olá Anônimo

    Claro que Deus te perdoa! Perdoou a mim!

    Abra seu coração, diga a Deus que você é imundo e que recebe a Cristo, o Cordeiro de Deus que tirou seu pecado!

    Jesus é o Cordeiro, que foi morto, mas, reviveu, e hoje está à direita de Deus Pai todopoderoso, onde há de voltar para arrebanhar os Seus!

    ResponderExcluir
  4. ola,
    sou adriano, ha poucos dias fui ouvir da minha ex mulher
    que estou separado a sete meses que ela nunca me amou
    que so ficou comigo por causa da minha filha e que se arrependeudeu de ter uma filha comigo.
    cinco dias depois discutimos e eu errei, pois cuspir no rosto dela e estou arrependido.o que eu faço?

    ResponderExcluir
  5. Olá Adriano.

    Sua esposa disse isto no calor do momento. O tempo dirá a verdade. Enquanto isto:
    Peça perdão à sua esposa;
    Diga que foi por um impulso pecaminoso da sua parte e que ela é a mãe da sua filha e que nenhuma mulher merece isto.
    Se a sua filha presenciou isto ou vai ouvir falar do que aconteceu, peça perdão a sua filha pelo que aconteceu. Se ela for muito pequenina, escreva uma carta datada de hoje e guarde com você. No futuro ela vai saber da sua besteira e que seu arrependimento é antigo!
    Pague a pensão para sua filha.
    Faça as visitas combinadas.
    Deixe sua ex-esposa viver a vida dela. Namorar, ser feliz com alguém. Ore a Deus pelo padrasto da sua filha, que ela tenha o melhor padrasto do mundo.
    Mesmo que aconteçam situações terríveis, confie em Deus. É Ele teu juiz.
    Nunca fale mal da sua ex-esposa para sua filha.
    Leve sua filha para a igreja.
    Consagre-a a Deus.
    Confesse a Deus que Ele é melhor pai que você, que Ele ama sua filha mais que você.
    Confesse a Deus sua incompetência em ser marido.
    Peça perdão a Deus por não ter sido bom sacerdote do lar.
    Não coloque toda culpa do seu casamento frustrado na sua esposa! É sua também, na verdade, a maior parte da culpa é sua.

    Puxa!

    Adriano, um divórcio surgiu na minha vida também. Segui estes passos e hoje minha filha está casada e trabalhando para o Reino de Deus, minha ex-mulher está casada e com um novo filho, estou casado e com um novo filho também.

    Tudo na paz, ou quase....

    Gilson de Moura

    ResponderExcluir

Irmão ou amigo, faça seu comentário. Alguns comentários podem ser apagados..... Você tem liberdade de escrever o que quiser, porém, sua liberdade está condicionada ao senhorio de Jesus Cristo, às Santas Escrituras e aos objetivos do blog.