Pesquise em mais de 1800 postagens!

quarta-feira, 5 de setembro de 2007

Vem ver o amor do Criador! - parte 6

Na Renascença, Copérnico (1473 - 1543), afirmou que o Universo era heliocêntrico. O Sol estava no centro e os planetas orbitavam ao redor dele, não em esferas, mas sim, em órbitas. A Lua girava em torno da Terra. Contudo, insistiu em afirmar que a esfera das estrelas era fixa. Seu livro publicado no ano de sua morte, contagiou Galileu e Kepler.


Galileu Galilei (1564-1642) confirmou as teorias de Copérnico, adicionando as observações feitas com seu telescópio: relevo da Lua, manchas solares, fases de Vênus, Satélites de Júpiter, etc. Foi questionado pela Inquisição por tirar a Terra do centro do universo. Negou suas teorias para ficar vivo.




Johannes Kepler (1571-1630), usando dados coletados por Tycho Brahe, mudou a idéia dos epiciclos de Ptolomeu e inaugirou a idéia das órbitas elípticas. Os planetas não giravam em torno do Sol redondinhos (esferas), mas sim, em ovais. Kepler declarou: "Quanto mais o homem avança na penetração dos segredos da natureza, melhor se desvenda a universalidade do plano eterno."


Conclusão dos cientistas na Renascença: o universo é infinito, com o Sol em seu centro, a esfera das estrelas é fixa.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão ou amigo, faça seu comentário. Alguns comentários podem ser apagados..... Você tem liberdade de escrever o que quiser, porém, sua liberdade está condicionada ao senhorio de Jesus Cristo, às Santas Escrituras e aos objetivos do blog.