Pesquise em mais de 1800 postagens!

domingo, 9 de setembro de 2007

Da Idolatria à Adoração Verdadeira

Mas como retornar desse caminho?

Adorar a Deus!

Em 1 João 1:9 lemos a resposta: Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça.
Vamos organizar o texto bíblico em trechos?
  1. Se - depende de nós. Deus está sempre com os braços abertos;
  2. confessarmos - confessar é falar. É expressar-se sonoramente através de nossa boca. É falar a Deus;
  3. nossos - o pecado é meu e de mais ninguém. Nada nem ninguém me levou a pecar, foi a minha decisão. A culpa é minha e de mais ninguém. Eu podia decidir não pecar, mas decidi errado e pequei. A CULPA É MINHA. Sem argumentos!
  4. pecados - pecar é entristecer a Deus, é errar o alvo, é ingratidão, é idolatria. Nossos pecados são nojentos diante de Deus. Imagine um mau cheiro bem asqueroso, pois é, este cheiro é um símbolo do que Deus sente quando pecamos;
  5. ele - só Deus tem amor suficiente para nos perdoar. Pessoas não podem nos perdoar, nem podemos exigir isso delas, afinal de contas, quem somos nós? Com Deus é diferente, não que devemos exigir, isto é absurdo, completamente equivocado. Deus nos perdoa porque Ele ...
  6. é fiel - Deus é fiel mesmo quando nós somos infiéis. Isto é um fato e ponto;
  7. e justo - Deus também é justo. A justiça de Deus não pode me causar medo, mas sim, me atrair como um ímã a um ferro;
  8. para nos perdoar os pecados - perdoar é apagar as transgressões. Deus nos perdoa não pela nossa justiça, mas sim, por causa do sangue de Jesus. O sangue de Jesus vertido na cruz do calvário, sua morte e ressurreição nos justifica. Não somos justos, mas sim, justificados. A nossa justiça é comparada no VT a um trapo de imundícia, um pano da menstruação na época;
  9. nos purificar de toda injustiça - a confissão traz o perdão e a purificação. Ao confessar o meu pecado eu sou recuperado desse pecado pelo amor e pela justiça de Deus.
Quando eu confesso meus pecados, eu adoro a Deus.
Quando eu abandono meus pecados, eu adoro a Deus.

Não sou pecador lutando para ser santo, mas sim, um santo lutando contra o pecado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão ou amigo, faça seu comentário. Alguns comentários podem ser apagados..... Você tem liberdade de escrever o que quiser, porém, sua liberdade está condicionada ao senhorio de Jesus Cristo, às Santas Escrituras e aos objetivos do blog.